sexta-feira, agosto 10, 2007

Cachorro quente, gato frio

Há alguns anos atrás, a música Who let the dogs out (quem deixou os cães de fora) foi um êxito em vários países do mundo. Impressionantemente, não se chamava who let the cats out (quem deixou os gatos de fora)... Isto porque, ao que parece, pensamos mais em cães do que em gatos. Em filmes como o O Passáro Azul, o cão era sempre de confiança e o gato pleno de ciúme e inveja.

O show da Brodway criado e produzido por Andrew Lloyd Webber e o Manda Chuva (Top Cat) de Hannah-Barbera são talvez as exceções à regra. O melhor amigo do SuperBoy era Ktypto, um cão; o Mickey Mouse tinha um cão chamado Pluto e um de seus melhores amigos era o Pateta, um cão; até mesmo o Scooby-Doo era um cão!

Comemos cachorros quentes e Elvis Presley cantou "Hound Dog"e Sting "The hounds of winter". Quantas comidas possuem o nome de um gato, e quantos os filmes dedicados a eles? Pessoalmente não me lembro de muitos.

Isso talvez porque os cães são os nossos melhores amigos!!!

Deborah Wells (da Queen's University) explicou, no British Journal of Health Psychology, que os donos de cães parecem sofrer menos doenças e mesmo menos problemas médicos, tendo menos pressão arterial e níveis de colesterol (porventura devido a caminhadas regulares com os seus companheiros de quatro patas).

Tinha um amigo que poderia dizer que os cães são bons é para chamar a atenção das mulheres. Aliás, de acordo com Wells, "Ser dono de um cão pode também (...) facilitar o desenvolvimento de contactos sociais, que podem incrementar a saúde humana fisiológica e psicológica, numa via mais indireta".

Outros estudos demonstram que a presença de um cão pode ajudar crianças com doenças crónicas a tolerar procedimentos médicos potencialmente dolorosos, sendo capazes de expelir melanomas malignos ou melhorar situações de pouco açúcar na diabete. Em Israel, nação de quatro grandes religiões e precursora de grandes descobertas científicas, foi também sugerido que os animais de estimação poderiam ajudar as pessoas com esquizofrenia a sentirem mais calma e até maior motivação.

Por outras palavras, se quer um animal de estimação: os cães parecem ser a escolha!

Para mais, sugere-se a leitura de Human-Dog Psychology: 5 Weird Studies.

Etiquetas: , , ,

0 Comentários:

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

Hiperligações para esta mensagem:

Criar uma hiperligação

<< Página inicial